História de “Calmo, Sereno e Tranquilo” – Ivan Cláudio Borges / Grupo ELO

Calmo, Sereno e Tranquilo

Letra e Música: Ivan Cláudio Borges, 1974/1975

“Calmo, Sereno e Tranquilo” é um dos cânticos mais conhecidos no meio evangélico brasileiro. A respeito de sua composição, o autor, Ivan Borges nos conta:

“Estávamos no fim do ano de 1974, num quarto do Colégio Batista, na Tijuca do Rio de Janeiro. Após um ano de estudos para o vestibular, prestado no Maracanã, vim a saber que passara para o curso de arquitetura, que depois deixei. Naquele ano havia aceito a Cristo como Salvador e tido uma experiência pessoal de salvação, cujo texto bíblico de Romanos 10.9 falara de perto ao meu coração: “Se, com a tua boca, confessares Jesus como Senhor e, em teu coração, creres que Deus o ressuscitou dentre os mortos, serás salvo.” A melodia fluiu daqueles momentos, mas a conclusão da música, com sua letra e acordes finais vieram somente nos primeiros meses de estudos no então Instituto Bíblico Palavra da Vida, em Atibaia, SP, em 1975. Havia decidido fazer teologia no IBPV.

Calmo, Sereno, Tranquilo (Capa LP)

A inspiração da letra e música, ambas muito singelas, vieram do espírito cancioneiro dos meus amigos Jayro (o Jayrinho) e do Paulo Cézar. Ambos faziam canções inspiradoras, que eu queria reproduzir. Num dos pianos que ficavam na sala de refeições da Estância Palavra da Vida, desenvolvi toda linha melódica e a letra. Após o jantar, fiquei até perto das 23 horas meditando naquilo que expressava meu relacionamento com Cristo desde então. Na vida há sempre caminhos que precisam ser escolhidos e nem sempre a decisão é fácil. O mundo do adolescente e do jovem sempre foi e é turbulento. De repente, nos vemos diante de realidades para as quais muitas vezes não estamos preparados. Em meio a isto tudo, entender a significação da vida e nosso papel neste contexto mexe com todo o nosso ser. As reflexões sobre tudo que ouvimos na infância na Igreja passam pela nossa mente. Foi um momento de buscar a Deus. Foi o que fiz. Ao buscá-lo, encheu meu coração de paz e alegria. Para mim, Jesus se tornara um verdadeiro amigo, companheiro da caminhada, alguém com quem poderia contar. Cantei minha música por várias noites naquele piano, até que o Jayro ouviu e me pediu para tocar. Pediu-me a letra e os acordes no violão. Alguns meses depois, me pediu para ir a sua casa, que ficava na Palavra da Vida. Foi quando me mostrou a gravação. Fiquei emocionado e surpreso. Aos poucos fomos nos falando, à medida que o disco era produzido. Até mesmo a respeito da capa pude opinar. Era uma canção simples, fruto de uma experiência real de conversão, em meio a tantas composições lindíssimas de Jayro e Paulo. Foi, realmente, uma surpresa agradável. Depois destes anos todos, agora com 62 anos, dois filhos e uma filha, um neto e uma neta, um genro e duas noras, posso testemunhar, Jesus sempre foi meu amigo, sempre caminhou comigo, nunca me abandonou. Em meio aos solavancos do caminho Ele sempre me trouxe a calmaria e a serenidade de sua presença para enfrentar os percalços e continuar testemunhando de sua Salvação. Sempre a Deus toda a Glória e o Louvor!”[1]

O pastor e compositor Paulo Cézar nos escreveu um breve comentário a respeito do Ivan e de sua composição:

“Eu louvo ao Senhor, por que Ele, em Sua tremenda graça tem usado a instrumentalidade de pessoas simples, como qualquer um de nós. Por isso, lembrar de Ivan Claudio é sentir ainda mais vívida essa verdade, pois em seu modo pacato de ser, e sem dúvida alguma, enchido pela magnifica segurança do Senhor manifesta em Sua Palavra, ele escreveu essa declaração de dependência tão linda, que, envolvida por melodia e harmonia tão envolventes fizeram nascer “Calmo Sereno e Tranquilo”; uma das canções mais lindas que já conheci. É assim que Deus faz….Foi assim que Ele fez, através do Ivan.”[2]

Calmo, Sereno e Tranquilo foi gravado pelo Grupo Elo em 1978 no LP “Ouvi Dizer”.

Vila Velha, 25 de abril de 2021.

Robson Junior,

[1] BORGES, Ivan Cláudio Pereira. Calmo, Sereno e Tranquilo. Mensagem recebida por <robsonjosesantosjunior@gmail.com> em 18 fev 2019.

[2] SILVA, Paulo Cézar da. Calmo, Sereno e Tranquilo. Mensagem recebida por <robsonjosesantosjunior@gmail.com> em 16 mai 2019.

Você pode gostar...

1 Resultado

  1. Maurício Pais disse:

    Realmente, confortante e inspirador! Eu me julgo como “um nascido fora do tempo”, pois quando vim a conhecer o trabalho do Grupo Elo, lá no longíquo ano de 1982, o grupo já havia se desfeito, em virtude do trágico falecimento do Jayrynho. E o primeiro LP adquirido foi “Ouvi dizer”, onde, dentre tantas, conheci esta canção maravilhosa! Daí em diante decidi que este seria o meu primeiro Grupo e saí em busca de todos os LP’s lançados! Hoje, passados quase 40 anos da minha descoberta, as letras e melodias do grupo, bem como a continuidade do estilo representadas pelo Grupo Logos, são uma constante na minha vida e na de muitos que, atualmente, andam tão carentes de verdadeiras jóias de servos inspirados! Deus continue o bom trabalho na vida do Ivan Borges, um servo “calmo, sereno e tranquilo”! Grande abraço!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *