Cantando em Casa: Amigos se juntam para louvar – Ana Carolina Leão

Cantando em Casa: Amigos se juntam para louvar

Cantando em Casa

A intenção de estarem reunidos para cantar a Deus, e de compartilhar com aqueles que apreciam os mesmos hinos, motivou a pianista Bel Fusaro e um grupo de amigos a criar a coleção de vídeos “Cantando em Casa”. Essa iniciativa, com uma proposta intimista, foi abraçada pelo Projeto Hinologia Cristã, que conta com a colaboração de pessoas que fazem parte da história da música cristã brasileira, e que tem divulgado as gravações ao piano da família Fusaro em seu canal no Youtube.

Além de Bel Fusaro, o grupo conta com Márcia Zanatta, Maria Antonieta Fusaro, Nirinha Almeida, Ezequiel Fernandes, César Romero, e Ailton Alexandre. E, sempre que possível, com Valéria Barcellos e o violinista Enéias Zanatta. “O grupo é geralmente o mesmo. Mas, às vezes, quando algum irmão biológico está visitando algum de nós, como todos são salvos e gostam de cantar, então eles participam conosco”, comenta Bel.

Em especial, quando eles se reuniram para gravar o hino “A Voz de Jesus”, em dezembro de 2023, ficaram surpreendidos ao alcançarem mais de 15 mil com o vídeo tão espontâneo e caseiro.

A pianista compartilha que pôde extrair uma lição dessa experiência. “É para a voz de Jesus ecoar, e não as nossas. E que Ele alcance os corações que quer alcançar. Temos o indizível privilégio de ser seus instrumentos”, afirma a musicista. “Sempre pedimos que Ele nos conduza nas escolhas, execução e interpretação dos hinos”, ela completa.

Com relação a essa última declaração, Bel Fusaro destaca mais uma maneira em que essa sensibilidade se faz presente: “São momentos de muita alegria e comunhão. Mas ao clicar em ‘gravar’, geralmente algum de nós erra, e então repetimos duas, três vezes. Quando passa disso, adio a gravação do hino, entendendo que o Senhor conduz tudo, e então escolhemos um outro hino. Já tivemos dias em que nada cantamos, só oramos e choramos juntos! ”.

A proposta não é elaborar grandes edições trabalhadas de forma técnica e profissional. Mas a naturalidade de cantar em casa tem aproximado e despertado a atenção das pessoas para assistir esses momentos de comunhão. “Não temos nada de profissionalismo, gravamos com o celular, que antes ficava na janela ou sobre livros sobre o piano, hoje ele tem um suporte, doado e feito por dois dos que cantam conosco”, detalha Bel.

Confira a gravação de “A Voz de Jesus” e continue lendo!

O refúgio musical de “Cantando em Casa”

A formação do grupo advém primeiramente da amizade entre eles. “São irmãos amigos que sempre frequentaram a nossa casa, nas alegrias e, principalmente, nas tristezas, quando passamos por alguns vales, entre eles, a morte de familiares”, afirma Bel Fusaro. Mais detalhadamente, foi em um dia de chorar a morte de entes queridos que o projeto teve início:

“Dez dias depois da morte da minha mãe, em junho de 2023, amigos vieram visitar-nos, choraram conosco e cantaram para nós. Marcamos uma nova visita para quando o nosso choro estivesse mais contido, e assim começou”, explica Bel.

Registrar esses momentos de cantorias já era um desejo unânime do grupo de amigos de mesma fé. “Não tivemos oportunidade antes. Na verdade, o Senhor tinha guardado este presente para o momento da nossa maior necessidade de carinho fraternal”.

Eles sempre escolhem os hinos que mais gostam de cantar e também atendem a pedidos, mas priorizando aqueles que falam sobre salvação, a volta de Jesus e exaltam a Deus. Assim, um projeto que nasce como um conforto pessoal se torna, também, evangelístico. “Temos que aproveitar todas as oportunidades que o Senhor nos dá, (Colossenses 4:5) creio que também para isso Ele nos ajuntou”, finaliza a pianista.

A importância de se cantar em casa

O teólogo e pastor Júlio Sanches, em artigo registrado ao Hinologia Cristã anteriormente, chama a atenção para a importância do cântico estar presente em todo lugar na vida do crente. “Cante em casa, no trabalho, com os amigos salvos, na rua, enquanto dirige no emaranhado do trânsito, ao aguardar ser atendido pelo médico. Cante aqueles hinos que estão gravados em sua memória”, escreve. O incentivo de Sanches é facilmente detectado na iniciativa do grupo.

A perspectiva do projeto Hinologia Cristã

O Hinologia Cristã também considera a importância do “Cantando em Casa” ao repercutí-lo. “Existe um grande público que assiste o Hinologia Cristã no Youtube que não pode mais sair de casa, que está enfermo ou que já é idoso. Então é muito bom as pessoas serem incentivadas a cantar em casa, parece uma visita ao lar da pessoa”, destaca o integrante Robson Santos.

A história dos hinos bem como outros ícones da música cristã brasileira são objetos do projeto Hinologia Cristã, que tem como missão reunir, numa só ferramenta, o histórico de hinos e cânticos tanto tradicionais quanto modernos, letras, partituras, áudios, biografias, entrevistas com compositores/músicos e artigos sobre hinologia, sob organização de Robson Santos. Acompanhe o projeto pelo site (hinologia.org), como também no FacebookInstagramTikTok e Youtube.

Fonte: Comunhão

Cantando em Casa: Amigos se juntam para louvar

 

Você pode gostar...

2 Resultados

  1. Gostaria de ver esse grupo ai vivo.

  2. Onde posso vrr vcs ao vivo?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *