“Uma Cantata de Ralph Manuel” – Roberto Torres Hollanda

(Especial para “Hinologia Cristã”)

Biografia

Ralph Eugene Manuel nasceu em 1951 em Oklahoma City, capital do estado de Oklahoma (EUA).

Graduou-se bacharel na universidade de sua cidade natal, mestre no seminário teológico batista do Sudoeste, em Fort Worth, Texas, e doutor pelo instituto teológico “B.H. Carroll”, em Irving, Texas.

Trabalhou como missionário-músico em Recife, PE, por mais de 23 anos (1980-2003), no seminário teológico batista do Norte do Brasil.

Atuou como ministro de música (1985-1988) da Igreja Batista Imperial, no Recife, PE.

Nos intervalos, lecionou nos seminários teológicos batistas no Recife e no Rio de Janeiro. (ver: Dicionário de Música Evangélica, p. 114, 1994; “O Jornal Batista”, 01 mar 2009).

Serviu por 13 anos (2004-2017) como ministro de música na igreja batista “Heritage”, em Annapolis, Maryland.

Aposentado desde julho de 2017, vive atualmente em Dallas, Texas.

Obras

Ralph Manuel é  excelente compositor de música para vozes e instrumentos. Publicou coletâneas em 1979 e 1993.

Constam de seu acervo artístico muitos solos e duetos vocais, solos para teclado, mais de 100 antemas, três cantatas e o famoso “Aleluia”, que rivaliza com o de Randall Thompson (1899-1984), composto em 1940.

O “Alleluia” de Ralph Manuel, composto em 1987, ganhou notoriedade internacional quando foi executado na presença do presidente Bill Clinton e do evangelista Billy Graham, por ocasião do culto comemorativo do bombardeio em Oklahoma City (19 de abril de 1995), o primeiro ato terrorista nos EUA. O “Aleluia” foi apresentado pelo coro da sociedade coral dessa cidade. Coros no Japão, no Havaí e na Europa também cantaram essa obra tranquila e reverente. Este “Aleluia” caracteriza-se pela simplicidade melódica. Existe uma transcrição para conjunto sinfônico de instrumentos de sopro.

Hinografia

É também muito importante sua obra hinódica: 35 hinos no “Hinário para o Culto Cristão” e 13 no hinário presbiteriano. Verteu para o idioma inglês (“At the Break of Day”) o hino “Logo de Manhã” (HCC-401), de Aristeu Pires Júnior.

Cantatas

Em 2012 sua cantata “Jesus, our joy” teve sua estreia na Campbellsville University, em Kentucky (EUA).

Cantemos nossa fé”, sua mais recente cantata, foi composta pouco antes de Ralph Manuel obter sua aposentadoria nos EUA; estreiou em 28 de outubro de 2017 na Igreja Evangélica Batista na Casa Amarela, em Recife, PE.

A cantata “Cantemos nossa fé”

Esta cantata, para vozes mistas, foi composta, em 2015, com muito amor, divinamente inspirado, em comemoração dos 25 anos (1991-2016) de uso do “Hinário para o Culto Cristão” pelas igrejas batistas filiadas à Convenção Batista Brasileira.

A cantata contém 10 seções musicais:

1)Deus Triuno; 2) Deus – Pai; 3) Deus – Filho; 4)Deus – Espírito Santo; 5) A Palavra de Deus; 6) Culto; 7) Vida Cristã; 8) Igreja; 9) Vida Futura; 10) Assuntos Especiais.

Essas seções são ilustradas pelas letras de 33 hinos extraídos do HCC.

Ralph Manuel demonstra sua invulgar modéstia e sua paciente pesquisa de 33 hinos, dos quais a música de apenas dois (HCC, nos.48 e 69) foi composta por ele. As músicas “Curitiba” (no. 48 do HCC) e “Adoração” (no. 69 do HCC) contêm características brasileiras. A execução da cantata dura 30 minutos.

1 – Ao trino e santo Deus

No prólogo da cantata, o narrador lê versículos do Salmo 115.

Iniciando o canto, num movimento moderado, os homens proclamam a santidade, a sabedoria e o poder de Deus Pai, reconhecem Jesus Cristo como o Salvador e o Espírito Santo como o Consolador.

Completando, um quarteto solista, num movimento mais rápido, confirma o enunciado anterior.

2 – Mensagem santa

O narrador lê passagens de vários Salmos.

Citando hino tradicional de Sarah Poulton Kalley, escrito em 1873, as mulheres e os homens do coro destacam as afirmações de que a Bíblia foi dada por Deus para ser o guia de todos.

3 – Cantemos ao Senhor

O narrador lê o Salmo 117, que ordena o louvor que agrada a Deus: o que exalta a Sua benignidade e a Sua verdade.

Entendemos que o louvor usa não somente o canto, mas também a expressão falada e o ato sacrificial.

O coro canta versos alemães de Gerhard Tersteegen e Joachim Neander, traduzidos, respectivamente, por João Soares da Fonseca e Werner Kaschel.

Ao coro junta-se a congregação; Ralph Manuel imita o recurso usado por John Stainer (1840-1901) em seu oratório “The Crucifixion” (A Crucificação), composto em 1887.

4 – A vida viva

O narrador lê Mateus 5: 13-16.

Em estilo imponente e, ao mesmo tempo, alegre, Ralph Manuel visita a hinodia traduzida por S. L. Ginsburg (em 1912), W. E. Entzminger (c.1912), A. B. Deter, J.L.Sutton (em 1973) e D. W. Hodges (em 1988) para enlêvo espiritual dos novos convertidos no Brasil.

5 – Comunhão eterna

O narrador lê o primeiro verso do Salmo 133 e versos da Carta aos Romanos, capítulo 13.

A abertura acontece num solo para soprano, “Eu amo com fervor”, seguido de trechos de hinos traduzidos por R. Pitrowsky, H. M. Wright, J. Boyle e João Soares da Fonseca.

A congregação volta a participar, com o hino “Que alegria neste dia”, de H. R. Penno.

A cantata finaliza com o quarteto “Ao trino e santo Deus”, de M. Rinkart e J. S. Fonseca.

O estilo de Ralph Manuel

O crítico musical inglês William Henry Hadow escreveu que há três doenças pelas quais a música religiosa pode sofrer: a virtuosidade, que sofistica a técnica de composição, prejudicando o significado; o teatralismo, que enfatiza exageradamente o significado, à custa da verdadeira dignidade e reverência; e o sentimentalismo, que enfraquece o significado, resultando num estilo fácil (ver: OJB, 20 set 1987)

Esta cantata de Ralph Manuel não procura a virtuosidade, não exagera nem enfraquece o significado.

Ele seguiu à risca o pensamento de Joan Larie Sutton: o canto reflete a fé de cada crente; o canto congregacional reflete quem são os Batistas no Brasil.

Roberto Torres Hollanda

Brasília, DF, em 25 de novembro de 2018. – RTH.

© 2018 de Roberto Torres Hollanda – Usado com permissão

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *