Rolando de Nassau

Rolando de Nassau nasceu em 08/10/1929 na cidade do Rio de Janeiro/RJ. Reside, desde 15/06/1961, em Brasília, DF. Desde 13 de dezembro de 1951, mantém uma coluna de crítica musical em “O Jornal Batista”. Já publicou, neste e em outros periódicos, mais de mil artigos sobre música. Autor de “Introdução à Música Sacra” (Rio de Janeiro: edição própria, 1957), esgotado. Foi citado na “Grande Enciclopédia Delta-Larousse” (Rio de Janeiro: Delta, edições de 1970 e 1979), na página 4.703, no verbete “Música sacra evangélica no Brasil” (periódicos sacro-musicais), pela musicóloga Henriqueta Rosa Fernandes Braga. Exerceu (1973-1974) o cargo de presidente do colegiado do Coro da Igreja Memorial Batista, em Brasília (DF).

Autor da tese “Um hinário brasileiro”, lida no Primeiro Congresso da Associação dos Músicos Batistas do Brasil (Porto Alegre, RS, 1984). Prefaciou o livro “A mensagem oculta do Rock” (Rio de Janeiro: CPAD, 1986). Recebeu da JUERP (1988) uma placa pela “oportuna atuação” na Assembleia Nacional Constituinte, “em defesa da música sacra”. Foi-lhe concedido (1989) pela AMBB o Prêmio “Arthur Lakschevitz” por serviços relevantes “à Causa de Deus no Brasil, através da música”. Foi premiado (1992) no Concurso Literário da Academia Evangélica de Letras do Brasil com o manuscrito “Bach: Vida e Obra Sacra” (inédito). Autor do “Nassau – Dicionário de Música Evangélica” (Brasília: edição do Autor, 1994).

Desde 15 de junho de 1997 mantém na Internet a página “Nassau’s Optics on Topics” – http://www.abordo.com.br/nassau/ e http://www.nassau.mus.br/

Traduziu (2000) do francês o opúsculo “La Prière d’ aprés les catéchismes de la Réformation”, de Karl Barth. Na bibliografia das “Notas Históricas do HCC” (Rio de Janeiro: JUERP, 2001), organizada pela hinóloga Edith Brock Muhlholland, é citado 26 vezes. Autor de “Culto – celebração e devoção” (Rio de Janeiro: JUERP, 2006).

Nota: O site Hinologia Cristã, homenageia e agradece em especial este colaborador, pois nos cedeu um grande número de biografias, artigos e estudos. Que Deus continue o abençoando ricamente!

Robson Junior

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *