Categoria: Hinologia

Um hino cívico de Lvov – Rolando de Nassau 2

Um hino cívico de Lvov – Rolando de Nassau

Especial para “Hinologia Cristã” O compositor estoniano Alexei Fiodorovich Lvov (1799- 1870), que chegou ao generalato do exército russo e foi ajudante-de-campo de Nicolai I (csar, de 1825-1855), compôs um “Pai nosso” e fez...

A primeira hinógrafa protestante – Rolando de Nassau 0

A primeira hinógrafa protestante – Rolando de Nassau

(Especial para “Hinologia Cristã”) Em 2 de agosto de 2015, dei início ao meu propósito de ouvir todas as cantatas sacras de Bach. Na sequência, a 94ª. cantata ouvida, aproveitando o feriado de 15...

O hino “Ó linda estrela”, de Heber – Rolando de Nassau 0

O hino “Ó linda estrela”, de Heber – Rolando de Nassau

Especial para “Hinologia Cristã” Reginald Heber (1783-1826) foi hinógrafo e ministro anglicano (1807-1823); seus primeiros hinos foram publicados no “Christian Observer” (1811). Em 1823 foi nomeado bispo de Calcutá (Índia). Na época, a Inglaterra...

As quatro características de um hino – Rolando de Nassau 1

As quatro características de um hino – Rolando de Nassau

(Dedicado à leitora Laíse Granja e Reis, de Brasília, DF) Quando cantamos um hino, será que estamos cantando realmente um hino? Pesquisamos em vários hinários para saber se continham poemas ou cânticos de veneração...

Da linda pátria estou mui longe – Rolando de Nassau 2

Da linda pátria estou mui longe – Rolando de Nassau

(Especial para Hinologia Cristã) Stephen Collins Foster (1826-1864) é considerado “o pai da música americana”. Ele foi o primeiro compositor profissional a trabalhar com música de salão (“parlor”) e música de menestréis (“minstrel”). Compôs...

O Hino Missionário de Isaac Watts – Rolando de Nassau 0

O Hino Missionário de Isaac Watts – Rolando de Nassau

(Em comemoração do 268º. aniversário do falecimento de Watts) Especial  para “Hinologia Cristã” Isaac Watts (1674-1748), considerado por vários estudiosos como “o pai da hinodia inglesa”, foi um educador brilhante, um poeta insinuante e...

Stille Nacht! Noite de Paz! Noite Feliz! Tudo é Paz! – Jônatas Fernandes 2

Stille Nacht! Noite de Paz! Noite Feliz! Tudo é Paz! – Jônatas Fernandes

O jovem padre Joseph Mohr (1792-1848), através de uma situação inesperada, se transportou para a cena mais linda da história dos cristãos, o nascimento do menino Deus – Jesus. Paz, tranquilidade e serenidade descrevem...

10

A beleza das músicas dos Hinários – Jônatas Fernandes

(Especial para Hinologia Cristã) Muitos já se depararam com alguém dizendo que é muito enfadonho cantar ou escutar os hinos tradicionais, presentes nos hinários. Como consequência desse tipo de pensamento, é possível observar que...

A importância da preservação dos hinos – Rolando de Nassau 0

A importância da preservação dos hinos – Rolando de Nassau

(Especial para “Hinologia Cristã”) O conteúdo do hinário reflete as práticas e estilos do canto congregacional, e ajuda a formular a expressão, por meio da música, das crenças básicas da congregação. Nos séculos passados,...